domingo, 15 de janeiro de 2017

Manhãs de depressão e angústia


O período da manhã é o mais difícil para quem está deprimido.

A angústia, a sensação de fraqueza e desânimo são implacáveis. É quando o Espírito retorna ao corpo, depois de alguns momentos de liberdade espiritual durante o sono, e cai novamente no campo físico de provas.

Reaja, ore com propósito e confiança.

Levante-se, fique em pé. Não se deixe dobrar. Logo passa.

Ps. Essa reflexão não dispensa a orientação e o tratamento médico.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Fundação do Posto do CVV em Santos, 1979



Formação do comitê para fundação do posto do CVV de Santos em 1979. A reunião aconteceu na rua Evaristo da Veiga, 266 com a presença de membros dos postos Abolição (Capital) e Santo André; e voluntários de Santos e São Vicente. Dessa reunião surgiu o Centro Fraterno de Amizade de Santos-CEFAS, entidade mantenedora do Programa CVV. O posto funcionou provisoriamente com sala e telefones cedidos pelo Lar Espiritual Seara de José até ser transferido para o Centro de Cultura de Santos. A primeira turma de voluntários realizou seu treinamento nesse endereço formando um grupo de 70 plantonistas, incluindo este que vos escreve.
Fotos: Elodia Varconte e Lorival Blanco.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Homens de fé e coragem



Quando as religiões se desviam das suas raízes e compromissos, engessando instituições e escravizando consciências, também surgem os que questionam os dogmas, restabecem os princípios e reconduzem-nos à Verdade. Com a intenção de matar suas ações e ideias, todos eles foram acusados de traidores, hereges, suicidas e endemoniados. É claro que não foram apenas Paulo,Huss,Lutero e Kardec, porém eles representam todos os que ousaram desafiar os sistemas dominantes indicando novos rumos para as crenças e concepções de mundo.



sábado, 10 de dezembro de 2016

18 anos de ecumenismo e diversidade na TV



Este ano o programa universalista Fronteiras da Ciência, do apresentador Jadir Albino, completou 18 anos na emissora da Universidade Santa Cecília, em Santos. É um conhecido espaço para a difusão do livre pensamento, das pesquisas metapsíquicas, curas alternativas e principalmente das diversas concepções humanas e visões de mundo. Foi nesse programa que difundimos as nossas primeiras obras e ainda continuamos sendo gentimente convidados pelo apresentador para divulgar as nossas atividades e novos projetos. Longa vida, paz e prosperidade ao Fronteiras da Ciencia e a Santa Cecília TV.

SANTA CECÍLIA TV. É possível ver pela internet :
http://santaportal.com.br/fronteirasdaciencia 

Batista Cepelos confessa o suicídio no Parnaso Além-Túmulo



O poeta que foi o pivô de uma famosa tragédia paulistana e que inspirou, juntamente com Francisca Júlia, criação do CVV. Essa história está resumida nos livros "Como Vai Você" e "Estação Amizade". No "Parnaso Alem-Túmulo" (1935), Cepelos confessa o suicídio. Exemplar de Ivan Almeida.



GOMIDE, 57 ANOS. CEPELOS, 43 ANOS. SOPHIA, 22 ANOS.

"Mortos quase na mesma época, Francisco de Assis Peixoto Gomide (1849-1906), Sophia Nunes Gomide (1884-1906) e João Batista Cepelos (1872-1915) são três almas ligadas entre si pelo destino e pela mesma tragédia. Peixoto Gomide era um político de alto prestígio – tinha sido presidente do Estado (antigo cargo de governador) e, na época, presidente do senado estadual; e Batista era seu filho, que tivera com uma escrava da família no tempo da juventude".

FRANCISCA JÚLIA, 49 ANOS

"Outra relação próxima e remota com o CVV foi o caso de Francisca Júlia , que morreu de tristeza profunda no dia após do velório do seu marido, também em São Paulo. Francisca Júlia da Silva (1871-1920), era poetisa parnasiana. Ela e Cepelos, que também era parnasiano, nasceram quase na mesma época sendo, portanto, da mesma geração. Nasceram com diferença de dois anos e morreram com intervalo cinco. Provavelmente se conheciam e frequentavam os mesmos eventos sociais do gosto dos literatos. Mesmo não tendo contatos pessoais, os dois eram figuras conhecidas do meio artístico paulista e carioca".

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Por que os jovens estão se matando

Crianças e adolescentes constroem suas existências baseadas no comportamento dos adultos. 
Vivemos uma época na qual todos as questões e conflitos humanos, antes escondidos, vieram à tona. A Era dos Segredos, das dissimulações e das subjetividades foi assaltada pela Era da Transparência. 

Não é mais possível esconder nada. Tudo é público e notório. Todas as nossas ações são expostas à céu aberto e seriamente observadas nas redes sociais.  É uma nova realidade na qual é necessário ser muito autêntico para sobreviver.  Todas as nossas formas de crer e de agir por meio de máscaras e explicações racionais, não servem mais, pois logo somos denunciados.

Somando a isso, temos uma sociedade altamente tecnológica e competitiva, que reduziu muito a nossa estabilidade e zonas de conforto. Tudo é muito solto e efêmero: os empregos, as relações sociais e afetivas, e sobretudo as certezas.

Ansiedade, pânico, depressão e finalmente o suicídio tem sido a resposta humana dos que não se adaptam a esse novo mundo externo que os empurra para as tormentas íntimas do mundo interno.

É preciso, então, acertar os relógios atrasados e encontrar um Norte para essa bússola confusa e desorientada.






Observador no Fronteiras da Ciência


Falando abertamente sobre suicídio e sua prevenção no Programa Fronteiras da Ciência, na Santa Cecília TV. Uma das pautas foi o livro ESTAÇÃO AMIZADE, voltado para jovens e com download gratuito

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Educação emocional e prevenção do suicídio


CRIANÇAS QUE JÁ SABEM DE CERTAS COISAS e fazem perguntas pertinentes sobre temas sérios. Bate-papo com alunos do 4º ano da Escola Municipal Pe. Lucio Floro, em Santos-SP.

Nos perguntaram sobre felicidade, tristeza, bullying e muitas outras coisas.

E concluimos: "Se você tem um amigo que não quer mais viver, gruda nele que ele vai continuar vivendo".



O que se mede em milímetros...




Interessante como o aspecto moral da doutrina espírita realmente demora para ser compreendido na sua essência e incorporado ao nosso comportamento.


919. Qual o meio prático mais eficaz que tem o homem de se melhorar nesta vida e de resistir à atração do mal?


“Um sábio da antigüidade vo-lo disse: Conhece-te a ti mesmo.”

a) - Conhecemos toda a sabedoria desta máxima, porém a dificuldade está precisamente em cada um conhecer-se a si mesmo. Qual o meio de consegui-lo?



PRECISA DESENHAR?

O movimento espírita está passando por uma fase de perturbações, messianismo, milenarismo e misticismo, típicos das transições de século. Pode ser a fase que Allan Kardec definiu como "religiosa", que sucedeu a científica e que antecede o estabelecimento do período filosófico. O passado intefere no presente e confunde o futuro. Muita gente fascinada por pesonalidades, profecias, acontecimentos e anomalias telúricas, ufologia, sincretismos doutrinários, enfim, distúrbios que geram confusão e desvios das finalidades primordiais das intituições e sobretudo dos espíritas. Nessas horas o mais seguro é sempre a nossa raiz, nosso ponto de referência.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Kardec colorizado substitui a saturação de Kardec 3D

Imagem de Allan Kardec colorizada e que está circulando fartamente na internet.

A última tentativa de modernizar a rara imagem do professor Rivail, registrada em P&B no século XIX, também foi feita por um artista digital, no formado 3D, há uns cinco anos, mas a exploração foi tanta que se desgastou como produto visual.

A versão atual vai dar um descanso na anterior. Mesmo assim, continuamos sem poder imaginar como era o coditiano de Paris e das atividades espíritas naquela contexto. Já é possível criar esse cenários virtuais, mas ainda não foi enontrada uma boa motivação para tal. 

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

A reencarnação de Kardec


Nossa opinião sobre identidade e reencarnação ainda se pauta pela dificuldade de aceitar evidências que não são evidências e provas que também não são provas. Com exceção dos casos de desenacarne prematuro e reencarne quase que imediato, todos os demais casos são marcados pelo segredo e pela incerteza. Recebemos recentemente uma tese sobre a reencarnção de Allan Kardec, animando a personalidade de um conhecido militante da doutrina espírita. Nessa tese Kardec não é Chico Xavier. A pedido da editora, que nos pediu uma análise do trabalho, bem como nossa opinião sobre a conveniência ou não da publicação, mantemos o segredo da tese e da identidade do autor. Mas adiantamos que os argumentos são fortes e muito bem contruídos, podendo também tomar forma de discurso e ideologia (crença, expectativa, simpatia, etc) presentes em todas as demais teses. Incentivamos a publicação. Não sabemos se o editor vai contemplar o autor e o público com esse interessante trabalho de pesquisa e confrontação de fatos entre as duas personalidades em jogo interexistencial. Vamos aguardar.

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Nota de missão cumprida. Suely Conchon.

Faleceu hoje de madrugada, em São Paulo, a educadora Suely Bataglia Conchon, voluntária da segunda turma de plantonistas do Centro de Valorização da Vida, de 1963. Foi durante muitos anos membro do Conselho Diretor, do Programa CVV e do Hospital Francisca Júlia. Era casada com Jacques André Conchon e mãe de quatro filhos. Aqui Suely aparece ao lado do esposo e de amigos da diretoria num Congresso do CVV em 1978, na sede Gastroclínica. São eles: Valentim Lorenzetti, Allankardec Gonzalez, Pedro Martins e Flávio Focácio. Na seara espírita, Jacques e Suely atuaram na Federação Espírita de São Paulo e foram fundadores da Aliança Espírita Evangélica.

Foto: "CVV, 50 anos ouvindo pessoas". Editora Aliança.

sábado, 15 de outubro de 2016

Compartilhe com os jovens


Compartilhe com jovens que você acha que poderiam gostar dessa história.

http://estacaoamizade.blogspot.com.br/

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Como surgiu e como funciona o CVV.


Mensagem para ativistas brasileiros e religiosos que vivem no Japão.



A EXPERIÊNCIA DO CVV PARA GRUPOS RELIGIOSOS NO JAPÃO. VÍDEO II. Um grupo de religiosos brasileiros que vivem no Japão nos solicitou instruções para a formação de um trabalho de Escuta Fraterna. No Japão vivem cerca de 170 mil brasileiros, entre os quais encontramos católicos, espíritas, evangélicos, umbandistas, budistas e vários outros segmentos.

Suicídio: o aspecto espiritual da prevenção.


Mensagem para ativistas brasileiros e religiosos que vivem no Japão. Parte 2 

domingo, 25 de setembro de 2016

Legião da Boa Vontade


Nossa gratidão à obra magnífica de Alziro Zarur e seus confrades. Foram os patrocinadores da rádionovela Memórias de um Suicida, da obra de Yvone Pereira- Camilo Castelo Branco.

Fotos: Templo da Paz, em Brasília. Por Emmanuela Barros

Alziro Abrahão Elias David Zarur (Rio de Janeiro, 25 de dezembro de 1914Rio de Janeiro, 21 de outubro de1979) foi m jornalista, radialista, poeta e escritor, fundador e primeiro presidente da Legião da Boa Vontade.
Filho de imigrantes árabes - Ássima e Elias Zarur - foi aluno brilhante do Colégio Dom Pedro II e já nesse tempo demonstrava seu pendor para o jornalismo e para a liderança: depois de escrever em todos os órgãos do colégio, fundou o próprio jornal (O Atalaia) e foi chamado para dirigir o órgão oficial, Boletim do Colégio Pedro II.

Aos 15 anos, ingressou como jornalista profissional no matutino A Pátria, de João do Rio, sob a direção de Diniz Júnior. Dono de uma voz tocante, participou da chamada "Era de Ouro" do rádio brasileiro. Criou os programasEnciclopédia Literária, Você não tem consciência!, Gatinhos e Sinucas, Teatro de Gente Nova, Policial Zarur e As Aventuras de Sherlock Holmes. Transcrevendo a obra de Arthur Conan Doyle para a linguagem radiofônica, Zarur lançou o programa policial educativo no país, encerrando todas as produções com a sentença: "O Bem nunca será vencido pelo Mal".


sexta-feira, 23 de setembro de 2016

1ª Mostra de Filmes Espíritas do Rio


Cartaz da  1ª Mostra de Filmes Espíritas do Rio de Janeiro. Evento organizado pelo cineasta e memorialista Oceano Vieira de Melo. 

terça-feira, 13 de setembro de 2016

MAPA MUNDI




O MUNDO PÓS 2036, segundo informações que Geraldo Lemos recebeu de Chico Xavier-Emmanuel. Lembrando que todos os acontecimentos sempre sofrem a interferência do livre arbítrio humano e não somente da ação unilateral dos Espíritos Superiores. Um exemplo disso foi a desintegração da União Soviética e o fim da Guerra Fria nos anos 1980.

A perguntas são: essas informações estão de acordo com o critério de análise de revelações proposto por Allan Kardec. Tais informações deveriam ter sido publicadas, já que o próprio autor não as trouxe a público? Os médiuns e os Espíritos tem o poder de ler o futuro, como foi feito na descrição usada para criar essas ilustrações? Quem responde?